Cachoeiranos fazem manifestações em prol de médico Boliviano

7961

 

Na última segunda-feira (14), ocorreu a prisão do médico Boliviano Gonzalo Cuba Valdez por prática de exercício ilegal da profissão, o que chocou os cachoeiranos. O médico usava o CREMEB de outra pessoa, vale salientar que Gonzalo é MÉDICO, mas necessita do registro  brasileiro para atuar. O advogado do médico, alega que Valdez não atuava como médico, mas, como auxiliar.

Entretanto, um grupo de pessoas se reuniram em frente ao hospital São João de Deus em Cachoeira, para manifestar apoio ao médico, segundo os manifestantes, Gonzalo Cuba tem realizado um excelente atendimento no município, e solicitam a soltura e regularização, para que ele volte a trabalhar.